Projeto da Prefeitura de Macapá incentiva descarte correto de vidros

Primeiro eco ponto para vidro já está disponível na frente do Mercado Central para receber os seguintes materiais: potes de vidro, garrafas, copos de vidro, embalagens e frascos de produtos alimentícios

0 42

A Prefeitura de Macapá inaugurou nesta terça-feira (9) um projeto que visa recolher materiais de vidro em pontos estratégicos da cidade e dar uma nova destinação para eles. Evento aconteceu no Mercado Central, no centro de Macapá, e contou com a exposição de objetos e produtos de uma empresa que é parceira da iniciativa e reutiliza o vidro como matéria-prima.

O projeto consiste em utilizar geladeiras recolhidas pelo Descarta Treco, outro programa da Prefeitura que recolhe móveis e eletroeletrônicos inutilizados, como ecopontos para receber os resíduos de vidro.

Empreendedora do Mercado Central, onde foi instalado o primeiro ecoponto, Daniela Rego, contou que a iniciativa vai ser muito benéfica para quem trabalha no local e para quem consome também.

- Advertisement -

“A gente não precisa mais nem se preocupar onde vai jogar os recipientes de vidro, antes ficava com medo de colocar nas sacolas e quebrar e acabar machucando. Além disso, as pessoas jogavam no chão e era muito arriscado”, contou.

Os eco pontos serão distribuídos ao longo da orla de Macapá e nos arredores de bares e restaurantes, onde há maior produção desse tipo de resíduo. Periodicamente, a Zeladoria irá coletar os materiais e entregar para a empresa de reciclagem que vai transformá-lo em objetos como cerâmica, blocos de cimento, vasos ornamentais, areia, entre outros.

A representante da empresa de reciclagem, Janaína Silvestre, agradeceu a parceria com a prefeitura e ressaltou os benefícios da reciclagem de vidro.

“É um processo que economiza energia, água e recursos naturais, além de reduzir a emissão de gases poluentes. O vidro pode ser reciclado infinitamente, sem perder a qualidade, e pode ser usado para fabricar diversos objetos. Agradecemos pela confiança e pela iniciativa, que facilitam a coleta e a separação do vidro”, afirmou.

Durante o lançamento, houve também uma exposição de materiais reciclados produzidos a partir do vidro, para mostrar as possibilidades de reutilização desse resíduo. O primeiro eco ponto para vidro já está disponível na frente do Mercado Central para receber os seguintes materiais:

  • Potes de vidro
  • Garrafas
  • Copos de vidro
  • Embalagens e frascos de produtos alimentícios

 Não devem ser descartados nos ecopontos para vidro:

  • Vidros planos
  • Espelhos
  • Lâmpadas
  • Cerâmicas
  • Porcelana
  • Tubos de TV

O secretário da Semzur, Helson Freitas, destacou a importância do projeto para a preservação do meio ambiente e a geração de renda.

“O Eco Projeto é uma forma de conscientizar a população sobre a necessidade de separar e descartar corretamente os resíduos de vidro, que demoram muito tempo para se decompor na natureza e podem causar acidentes. Além disso, é uma oportunidade de gerar emprego e renda para a empresa de reciclagem, que irá reaproveitar esse material e transformá-lo em novos produtos”, disse.

Ao longo da semana, mais quatro ecopontos para vidros serão instalados na extensão da orla do Santa Inês e na orla do Araxá. A meta da Zeladoria é fazer a instalação de 100 geladeiras nos mais diversos pontos estratégicos da capital, a execução será gradativa conforme a logística estabelecida pela Secretaria.

Confira mais fotos:

Comentários
Carregando...