1ºciclo do LIRAa de 2024 apresenta médio risco de infestação predial na cidade

Durante o 1 ciclo do LIRAa os agentes de endemias estiveram nas ruas para eliminar os focos da dengue

0 77

A equipe de Vigilância Ambiental e Divisão Municipal de Controle da Dengue, no período de 19 a 29 de fevereiro, foi a campo para dar início ao primeiro ciclo do Levantamento Rápido de índice para Aedes aegypti (LIRAa). Com base nos resultados apontados, a Secretaria Municipal de Vigilância em Saúde (SMVS) iniciou um cronograma de vistorias, com a intensificação nos bairros que apresentam maior quantidade de criadouros do transmissor da dengue, febre amarela, chikungunya e zika vírus.

Bairros que apresentaram alto risco para infecção, como Araxá, Pedrinhas, Santa Inês, Beirol e Perpétuo Socorro, receberão ações que consistem em visitas domiciliares, eliminação de depósitos passíveis de remoção e tratamento focal para controlar a infestação do mosquito.

A pesquisa foi realizada nos dias 19 a 29 de fevereiro. Ao todo, no primeiro ciclo, foram inspecionados 6.926 imóveis para coletar amostras e avaliar os possíveis focos em que as larvas de mosquitos podem se proliferar.

O estudo também aponta os locais com maior ponto de proliferação que acontecem nos lixos domésticos, sacos plásticos, latas e copos descartáveis. Esses resíduos representam 45% do foco da proliferação, seguido por 26,6% da proliferação sendo encontrada em pneus descartados de forma indevida.

Agora, os agentes entrarão em campo para controlar as infestações do Aedes aegypti e evitar que os casos de doenças transmitidas por esses mosquitos cresçam.

Para ajudar no combate à dengue, a população pode entrar em contato com o número:

1 – (96) 99147-5099: Número para denúncias de lotes habitáveis

2 – (96) 98139-8315: Número para lotes abandonados

O que é o LIRAa?

O Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti, conhecido pela sigla LIRAa é uma metodologia estabelecida pelo Ministério da Saúde que facilita na identificação de áreas com maior proporção e ocorrência de focos do Aedes aegypti. Durante o ano são realizados 4 ciclos. Os responsáveis por ir a campo realizar essa pesquisa são os agentes de endemias.

Onde posso me testar para as arboviroses?

Em Macapá, duas UBSs específicas fazem o exame de sorologia que identifica todas essas doenças. A UBS Marcelo Cândia, localizada na Rua Vereador Júlio Maria Pinto Pereira, e na UBS do Perpétuo Socorro, localizada na Rua Rio Xingu. Os testes são feitos de segunda a sexta, das 8h às 17h. O resultado sai em 7 dias.

Comentários
Carregando...