Proaves: Produtores do Curiaú são beneficiados com a 6ª etapa do programa na Semana da Consciencia Negra

Foram distribuídas 200 aves para 20 produtores do quilombo do Curiaú e de regiões próximas

0 87

Nesta quarta-feira (22), durante a Semana da Consciência Negra, a Prefeitura de Macapá entregou a 6ª etapa do programa Proaves para produtores da comunidade quilombola do Curiaú e das regiões próximas. Evento aconteceu na Maloca Tia Chiquinha, AP 70.

20 produtores receberam 100 aves, insumos pecuários, ração para frangos de corte, vacinas e outros medicamentos avícolas, comedouro tubular e bebedouros de rosca.

A comunidade é reconhecida como um centro histórico e ecológico, com uma população predominantemente composta por negros que, por meio de suas lutas, estabeleceram o Quilombo.

- Advertisement -

Joaquina Santos, é uma das produtoras beneficiadas e moradora da localidade que dedica 20 anos de sua vida para as atividades agropecuárias, de onde tira o sustento de sua família. Ela destaca que a iniciativa será fundamental para impulsionar tanto a renda quanto sua produção.

“É a primeira vez que recebo incentivo para a criação de frangos. Minha fonte de renda provém da agricultura familiar, envolvendo o cultivo de hortaliças e a criação de aves. Com esse estímulo, estou confiante de que poderei duplicar meus ganhos”, disse.

O Prefeito de Macapá, Dr Furlan, ressalta a importância de fomentar o setor primário da região, e dar novas possibilidades de fontes de renda para a comunidade quilombola.

“É gratificante realizar a entrega do Proaves para os produtores do Curiaú durante a Semana da Consciência Negra. A criação de aves é uma atividade econômica de maior impacto social, fomenta a economia e proporciona alternativas de renda, permitindo que vivam com dignidade”, ressaltou.

As famílias que recebem benefícios do programa Proaves foram selecionadas por meio do edital n° 001/2023 – Semag/PMM. A Secretaria Municipal de Agricultura (Semag) coordena o programa e orienta as famílias contempladas.

“A secretaria de agricultura está à disposição do pequeno produtor e acompanhará o processo de criação das aves através da equipe técnica. Assim, alcançarão resultados mais positivos. Isso representa, de fato, o fortalecimento da agricultura familiar”, disse.

Na ocasião, os produtores tiveram acesso à Cooperativa Sicredi e ao Banco da Amazônia, instituições financeiras parceiras da Prefeitura de Macapá. A cooperação entre as instituições viabiliza o acesso a linhas de crédito para os produtores da agricultura familiar, com a finalidade de assegurar a continuidade das atividades agropecuárias.

Cinco etapas do Proaves já foram entregues e beneficiaram 100 famílias. Produtores da comunidade Vila Esperança, localizada no KM 9, da região do Maruanum, do Assentamento Raimundo Osmar Ribeiro, da comunidade Mel da Pedreira, bairro Coração e de Santo Antônio da Pedreira receberam o benefício.

Confira mais fotos:

Comentários
Carregando...