Ordem de Serviço para construção de Parque Urbano no Horto Municipal de Macapá é assinada

Cerimônia contou com a participação dos moradores do bairro Jardim Felicidade I, comitiva municipal, vereadores e imprensa

0 49

Nesta quinta-feira (4), a Prefeitura autorizou – por meio de assinatura de Ordem de Serviço (OS) – construção de Parque Urbano no Horto Municipal de Macapá, localizado no bairro Jardim Felicidade I, na zona Norte da capital. O investimento é de R$ 5.000.000.00 de emenda Federal do deputado Vinícius Gurgel, mais contrapartida do Tesouro Municipal. Prazo para construção é de 240 dias.

A área total é de 15.757,40 metros quadrados, mais 600 metros quadrados de área coberta. Novo espaço público contará com estacionamento; playground; museu; restaurante; banheiros; anfiteatro; praça pet; parede de escalada; passeio; deck de madeira suspensa; orquidário e jardins.

Conforme o chefe do Executivo, Dr. Furlan (Podemos), paisagismo, arborização, embelezamento da cidade e melhoria da sensação térmica são iniciativas do Horto, que são prioridades da gestão. “Contudo, a estrutura é limitada para o projeto de paisagismo e arborização da capital. Ao mesmo tempo, é uma área nobre que precisa ser expandida e se tornar um lugar público de visitação, contemplação e turismo”, ressalta.

Morador há 12 anos do Jardim Felicidade I, Antônio Paixão ficou satisfeito pela decisão da Prefeitura. “A comunidade agradece por este olhar. Nosso bairro foi beneficiado com a construção de passarelas. Jardim I não foi esquecido pela gestão e ficamos felizes por esse momento”.

O titular da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana (Semob) resgatou as determinações da gestão na localidade. “Jardim I tem inúmeras ações da Prefeitura: a Escola Eliana Flexa; iluminação; quase quatro quilômetros de asfaltamento; execução de passarelas; quase seis quilômetros de asfaltamento no Jardim II, finalização e arenas. São investimentos executados via recursos Federais e do Tesouro Municipal. O próximo passo será interligar a Rua do Horto com a Avenida Geribá Almeida de Azevedo Costa”, informa Cássio Cruz.

O Horto Municipal será transferido para uma chácara. Intuito é melhorar as condições para plantio de ipês, palmeiras imperiais, árvores e flores. “O Parque Urbano é um projeto inovador, que unirá turismo; preservação do meio ambiente; economia criativa; educação ambiental para moradores, estudantes e visitantes; lazer; esporte e contemplação do logradouro público. Tudo isso conversado ao conceito de sustentabilidade”, finaliza Dr. Furlan.

| Fotos: Jesiel Braga/PMM

- Advertisement -

Comentários
Carregando...