Casa do Bolsa: aprovados do PROCAD/SUAS fazem primeira busca ativa em campo

Serviço de campo é realizado por 20 entrevistadores sociais

0 102

Nesta segunda-feira (18) a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) através da Casa do Bolsa iniciou o serviço de busca ativa para atualização do cadastro de famílias unipessoais. A iniciativa busca atualizar o banco de dados do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

O trabalho de campo é realizado pelos 20 entrevistadores sociais aprovados no primeiro Processo Seletivo Simplificado da Semas, a medida faz parte do Programa de Fortalecimento Emergencial do Atendimento do Cadastro Único no Sistema Único da Assistência Social PROCAD/SUAS. Conforme orientação do MDS os profissionais foram contratados para fazer a busca ativa no período de seis meses.

- Advertisement -

Evaristo Pereira de Araújo Neto, de 64 anos, faz parte das famílias unipessoais que recebem o auxílio. Ele conta que desde que adoeceu no período da pandemia recebe o auxílio que complementa sua renda em casa, sem emprego fixo ele trabalha como oficineiro. “O auxílio que recebo me ajuda muito, inclusive a comprar meus remédios, o trabalho como oficineiro ajuda, mas não é suficiente para manter a casa”, declarou o idoso.

Para que as famílias sejam consideradas habilitadas ao Programa Bolsa Família, desde o mês de julho deste ano é necessário realizar o processo de inserção de documentos completos. Os beneficiários que não o fizerem, ficarão impedidas de ingressar no programa até que concluam a inclusão da documentação no sistema de Cadastro Único.

Segundo o secretário municipal de Assistência Social em exercício, Nildo Nunes, todo o trabalho realizado pelos entrevistadores sociais é coordenado pela direção da Casa do Bolsa, a atividade é uma forma de identificar inconsistência e garantir que o benefício alcance quem realmente precisa.

“O serviço de campo dos entrevistadores sociais é muito importante para verificar o perfil econômico e a realidade social dos beneficiários, a medida é uma forma de garantir que as pessoas que realmente precisam acessem o benefício”, ressaltou.

Para a ação de regularização e acompanhamento feita pelo munícipio, o Ministério do Desenvolvimento Social, disponibiliza mensalmente uma lista de famílias que precisam fazer a atualização conforme a realidade socioeconômica de cada uma.

Fotos: Jesiel Braga/PMM

Comentários
Carregando...