Bairro Brasil Novo contará com nova via de interligação à Zona Norte da cidade

Prefeito de Macapá, Dr. Furlan, assinou Ordem de Serviço que autoriza a construção. Serão investidos R$ 6.217.756.72 do Tesouro Municipal

0 203

Nesta sexta-feira (24), o prefeito de Macapá, Dr. Furlan, assinou Ordem de Serviço (OS) para construção e asfaltamento de nova via de interligação, a partir do bairro Brasil Novo. A rua conectará ao restante da Zona Norte da cidade e ficará entre as Avenidas Pinhal e Orlando Silva. O total de pavimentação é de 1.598,04 metros de extensão, mais 10 metros de largura.

Serão investidos R$ 6.217.756.72 do Tesouro Municipal. Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana será a executora e fiscalizadora dos trabalhos.

Os serviços executados serão drenagem profunda e superficial; regularização e compactação do solo; aplicação de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) – tipo de asfalto; meio fio; sarjeta; calçamento, bem como sinalização vertical e horizontal.

A criação da via de interligação foi possível graças à decisão de um morador. Antônio Muniz, dono do terreno onde será construído parte do trecho, autorizou a Prefeitura de Macapá executar as atividades. “Brasil Novo é desligado. É um lugar que não tem muito foco de convivência com outros bairros. Dessa vez, o projeto vai sair do papel”.

Segundo o titular da Semob, a interligação visa unir toda a população macapaense. “Antigamente existia uma cidade totalmente separada. Com o plano de mobilidade urbana e as interligações, surge a integração do povo. Traz melhoria da trafegabilidade e as pessoas terão acesso aos equipamentos públicos de maneira mais rápida”, frisa Cássio Cruz.

A dona de casa, Edgleuma Nascimento, ressaltou que o trecho evitará que os habitantes optem pela BR-210. Segundo ela, a praticidade de sair de uma parte populacional para outra, sem alcançar uma rodovia, tornará a vida dos moradores do Brasil Novo “mais fácil”.

“O sonho dos moradores do Brasil Novo é ficar ligado ao restante da Zona Norte: Jardim Felicidade I e II, Sol Nascente, Mestre Oscar e Ipê. A decisão do Antônio mudará completamente a vida dos habitantes da Zona Norte. Isso cria um núcleo populacional de serviços, lazer, entretenimento e convivência entre as pessoas”, explica o chefe do Executivo Municipal, Dr. Furlan.

Presentes na cerimônia da assinatura da Ordem de Serviço: comitiva municipal, composta por subprefeitos, secretários, servidores, vereadores, bem como os moradores. A segurança foi de responsabilidade da Guarda Civil de Macapá.

| Fotos: Arthur Alves/PMM

- Advertisement -

Comentários
Carregando...