Pela primeira vez, Governo do Amapá passa a ofertar testes do olhinho e do coraçãozinho no Hospital de Oiapoque

Exames possibilitam identificar de forma precoce doenças oculares e cardiopatias

0 46

Pela primeira vez, o Governo do Amapá passa a ofertar os testes do olhinho e coraçãozinho no Hospital Estadual de Oiapoque, no extremo norte do estado. O objetivo é proporcionar diagnóstico precoce que evite o agravamento de problemas de doenças e possíveis deficiências em recém-nascidos.

De acordo com a pediatra neonatologista Mariana Sagava, a oferta dos dois exames,a partir deste mês de setembro, possibilita minimizar riscos ou complicações de condições identificáveis, como as cardiopatias, no caso do teste do coraçãozinho e doenças oculares, apontadas pelo teste do olhinho. Além disso, evita o deslocamento das famílias até a capital para a realização dos testes.

“Antes os recém-nascidos eram transferidos para a capital no intuito de realizar esses testes, agora, conseguimos garantir que as crianças façam o exame em tempo oportuno sem precisar se deslocar do município, o que representa uma conquista para a população de Oiapoque”, enfatizou Mariana.

- Advertisement -

A diretora do Hospital de Oiapoque, Natália Coutinho, explicou que, neste primeiro momento, os exames do olhinho e coraçãozinho são realizados entre os dias 16 a 31 de cada mês, ou por agendamento ambulatorial, para os bebês nascidos fora dessas datas.

“Durante o período de atendimento, os bebês nascidos no hospital são encaminhados para a realização dos testes. Já as crianças que nascerem fora da unidade podem realizar o agendamento no Núcleo Interno de Regulação”, detalhou Natália. 

Teste do Pezinho

Nos próximos dias, o Hospital de Oiapoque também passará a oferecer o teste do pezinho, aumentando assim a oferta dos exames neonatais na unidade hospitalar.  Atualmente a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) mantém uma parceria com a Prefeitura de Oiapoque para a realização dos testes do pezinho na UBS Julieta Palmeirim.

Exames neonatais

Os exames feitos no recém-nascido permitem o diagnóstico de diversas doenças congênitas, sintomáticas e assintomáticas, nos primeiros dias de vida da criança, permitindo, dessa forma, o tratamento precoce específico e a diminuição ou eliminação das sequelas associadas à cada doença.

É recomendado que os exames sejam realizados com idade de 0 a 28 dias de vida para maior precisão.

Teste do Olhinho

Tem como principal foco identificar e prevenir doenças oculares, como a catarata congênita, glaucoma congênito e retinoblastoma, que, com o seu agravamento, podem até mesmo gerar a cegueira irreversível para a criança.

Este teste normalmente é feito logo na maternidade, mas pode também ser feito na primeira consulta com o pediatra. É ainda recomendado que seja repetido regularmente durante os primeiros 2 anos de vida do bebê, de acordo com orientação do pediatra, mas normalmente é feito aos 4, 6, 12 e 24 meses de vida.

Teste do coraçãozinho

O exame é indicado para ser realizado em todos os recém-nascidos com mais de 34 semanas de idade gestacional ao nascer. O exame é indolor e é feito com um aparelho que estima a concentração de oxigênio no sangue, sendo capaz de detectar problemas cardíacos congênitos complexos desde o nascimento.

Comentários
Carregando...