Prefeitura de Macapá realiza ação social e de saúde nas ilhas do distrito do Bailique

Serviços de saúde, capacitação neonatal, CadÚnico, entre outros atendimentos serão ofertados

0 88

Durante três dias a Prefeitura de Macapá realiza uma grande ação social no arquipélago do Bailique, distante cerca de 140 quilômetros da sede da capital. Serviços de saúde, capacitação neonatal, CadÚnico, vacinação antirrábica, instalação de ovitrampas que ajudam no controle do mosquito da dengue, entre outros serviços estão sendo ofertados.

As atividades são executadas pelas secretarias de Assistência Social, Saúde, Mobilização, Direitos Humanos. Além dessas pastas, a Secretaria de Obras realiza visita técnica no local, para acompanhamento das obras em andamento.

Já a Companhia de Iluminação Pública, Energia Sustentável e Saneamento do Município de Macapá (Cipemac) irá trabalhar na análise das luminárias fotovoltaicas instaladas na comunidade Progresso, Macedônia, Jaranduba, Buritizal, Nossa Senhora da Aparecida e Igarapé do Meio, para possíveis reparos e levantamento das que precisarem de substituição.

- Advertisement -

“Nosso objetivo é fortalecer as ações dentro dos distritos. Levar para o munícipe ações que de fato são essenciais. Além de avaliar de que forma podemos avançar com outros serviços”, comentou o secretário municipal de Articulação Instituição, Franco Souza, também responsável pela coordenação das atividades na localidade.

Capacitação

Na última quarta-feira (12) as equipes de saúde realizaram a capacitação neonatal para enfermeiros e técnicos da UBS Manoelzinho, no Bailique. De acordo com a titular da pasta, Erica Aymoré, a iniciativa é uma forma de prevenir e reduzir o risco de mortalidade infantil na região.

“Essa é a primeira vez que esses profissionais passam pelo treinamento. Com isso, estamos fortalecendo a atenção básica do Bailique”, destacou a gestora.

Para enfermeira, Maria Nunes, a qualificação é uma forma de agregar conhecimento e prestar um atendimento adequado para as pacientes que procuram a unidade.

“Recebemos muitas grávidas, e as vezes elas não conseguem chegar até Macapá e o parto acaba sendo feito por nós. Ou seja, esse é um encontro de suma importância que veio para somar”, comentou.

O primeiro dia de ação iniciou nesta quinta-feira (13) e conta com mais de 10 horas de atendimentos de saúde: pediatra, teste do olhinho, nutrição, psicóloga, vacina, dentista e outros. A dona de casa Karina Ferreira, de 31 anos, aproveitou o momento para levar a filha Valentina na consulta com pediatra.

“Essas ações são sempre bem-vindas na comunidade. Por ser um local distante somos muito carente e quando a saúde chega a gente fica feliz”, afirmou.

Quem também aproveitou os serviços foi a moradora do Bailique, Adriane Chaves. “Macapá é muito longe para gente ir, ainda tem o custo com a viagem. E hoje estou tendo a oportunidade de receber atendimento do CadÚnico perto de casa. Já havia tentado outras vezes fazer minha inscrição no programa, mas só agora foi possível”, disse.

A comitiva da Prefeitura de Macapá segue com as ações na sexta-feira (14) e no sábado (15). Percorrerá a comunidade Maranata, Equador e Limão do Curuá.

Fotos: Jesiel Braga/PMM

Comentários
Carregando...