+ internet: Davi celebra lançamento de supercabo de fibra óptica no leito do Rio Amazonas

Presidente da República estará em Macapá na sexta-feira para o lançamento do programa Norte Conectado

0 118

 

 

 O projeto Norte Conectado nasceu com o objetivo de expandir a infraestrutura de comunicações na Região Amazônica. A implantação de uma rede de fibra óptica contempla políticas públicas de telecomunicações, educação, pesquisa, saúde, defesa e judiciário.

Entusiasta do programa, o senador Davi Alcolumbre ainda no exercício da presidência do Senado, trabalhou para que o Norte Conectado começasse pelo Amapá.

“Por quase quatro anos trabalhamos para viabilizar esse projeto, que tem o poder extraordinário de proporcionar educação a distância e telemedicina de qualidade. Tenho plena certeza da necessidade de universalizar os meios de comunicação no mundo moderno ao tempo em que fibras ópticas de conexão veloz já se encontram no Amapá para levar internet de qualidade a milhares de amazônidas”, explicou o senador Davi.

Na sexta-feira (14), o presidente da República, Jair Bolsonaro, chega em Macapá para o lançamento do projeto Norte Conectado. O senador Davi, que já se encontra no Amapá, integrará a comitiva, da qual também faz parte o ministro Fábio Faria, das Comunicações.

Na sexta-feira (14), às 11h, na Praia da Fazendinha, será lançado o cabo subfluvial de fibra óptica, da Infovia 00, de 770 quilômetros de extensão, no leito do Rio Amazonas. Será internet ultrarrápida, com capacidade de 100 gigabites por segundo, com um mínimo de impacto ambiental.

*Infovia 00*

A Infovia 00 é a primeira entre as nove infovias do Norte Conectado e vai interligar as cidades de Macapá, Almeirim, Monte Alegre, Alenquer e Santarém. Com isso, vai atender à educação, pesquisa, saúde e defesa, além de suprir uma demanda reprimida de comunicação na região.

O programa vai expandir a infraestrutura de comunicações na Região Norte, ampliando o acesso e reduzindo os custos da internet banda larga na região, com possibilidade de integração via internet dos países vizinhos que compõem a Pan Amazônia (Peru, Colômbia e Guiana Francesa).

*Início*

O projeto Norte Conectado foi anunciado em 1° de setembro de 2020, no palácio do Planalto, em uma parceria com o Ministério das Comunicações, e recebeu recursos do senador Davi Alcolumbre no valor de R$ 6 milhóes.

O fato de o programa começar pelo estado do Amapá, e não por outro estado do Norte, também é considerado uma vitória do senador Davi, que se empenhou por isso. Entusiasta do programa, Davi afirma que “o Norte Conectado vai revolucionar o Amapá”.

“A gente tá falando da revolução da tecnologia, da possibilidade de fazer telemedicina na Amazônia. Estamos falando de um universo de 25 milhões de pessoas que vão se beneficiar com o programa. O Norte Conectado vai revolucionar o Amapá”, diz Davi.

O backbone*, que será lançado em ambiente subfluvial, e a instalação de antenas em Instituições públicas localizadas em áreas remotas irão ampliar o acesso à Internet em toda a região, promovendo integração com os países vizinhos que compõem a Pan Amazônia: Peru, Colômbia e Guiana Francesa.

A cobertura total, de cerca de 10.000 km, será baseada nos leitos dos rios amazônicos e irá interligar 59 municípios, atendendo uma população de cerca de 9.2 milhões de habitantes.

A alta capacidade, confiabilidade e disponibilidade da infraestrutura vai permitir resolver uma demanda reprimida por comunicação, incluindo a ampliação do acesso à internet, a melhoria da segurança e a redundância das redes terrestres existentes na região, permitindo o escoamento do tráfego de dados das instituições públicas de educação, saúde, segurança pública e justiça, dos poderes executivos Municipal, Estadual e Federal, bem como das Operadoras de Telecomunicações e dos provedores locais de acesso à internet em banda larga.

_*Backbone: rede de transporte que contém os cabos de fibra óptica, em analogia à espinha dorsal no corpo humano_

Fotos:
-Lançamento do Programa em setembro de 2020, no Palácio do Planalto.
– Visita ao navio alemão no Porto de Santana, em setembro de 2021.

*Assessoria de Imprensa*
*Senador Davi Alcolumbre*

 

Comentários
Carregando...